Eu tenho uma filha de 8 anos!

 * Referente ao seu aniversário dia 9/10/17
Jujubinha, Juliana, Juju, Juliabúlia, Jujuzinha… você chegou em 2009, mas desde 2004 eu já sabia do teu nome. Veio de supetão, eu demorei a te aceitar dentro de mim porque pensava que era cedo demais. A verdade é que eu estava com medo de virar adulta, de ser responsável por uma vida e por todo amor ou dor que pudesse me causar.

Depois que ti vi na ultra, meu coração pulou, tal qual a canção do Roupa Nova. Meses depois, com apenas 35 semanas, deste o ar da graça em um mundo novinho em folha. Foi um início difícil como é para todas que experimentam a maternidade pela primeira vez. Mas o tempo foi passando e você me ensinando como ser uma mãe. 

Sempre engraçada, bem humorada e forte, nunca chorou por besteira. Independente, destemida, participativa e um coração de ouro que sente por aqueles as quais nossos olhos de adulto já se acostumaram. Pedintes, animais, quem quer que precise, você está ali, com uma palavra doce ou um soprinho mágico pra curar o dodói.

Você é carinhosa e adora ser a menininha da mamãe, mas não titubeia quando precisa botar gente pra correr. Aos 8 anos, você gosta de dançar, de fazer estrelinha e todo tipo de exercício corporal que te desafie. És uma ginasta genuína, daquelas que anda pelas ruas dando pulos e cambalhotas causando espanto nos passantes. Tá na fase do Pokemon e coleciona Pokemoncards de toda espécie. Não curte bonecas, a não ser no papel, para desenhar-lhes modelitos diversos. Ama usar meus saltos, ama fazer roupas e vestidos com os lençóis. Me vejo em você, meu amor!Me esforço o quanto me é possível para te proteger de uma parte do mundo que não te merece. Tenho orgulho do doce de menina que você é e sou muito feliz por te ter em minha vida. Parabéns!!!!


Imagem- Arquivo pessoal

Anúncios

Diário de Bordo:Clube da Luzinha na Hungria, Budapeste- Parte 2

Antes tarde do que nunca!Vamos colocar essa bagaça em dia então.


Como disse no post anterior, Budapeste era o inferno na terra de tão quente. Não sei se dei “sorte” ou se o clima normalmente é aquele mesmo no verão, só sei que aconselho a qualquer viajante a evitar este período por lá, ou a pessoa vai fritar!


Como se nãoo bastasse o calor, a cidade é enorme!Pra não correr o risco de derreter no meio do caminho, passei o dia fazendo o Hop on-Hop off   …Melhor decisão da vida!!!


Claro que eu deixei de ver de perto várias atrações, muitos lugares legais que eu gostaria de ter parado pra conhecer e não rolou por conta do calor…uma pena!!


Abaixo, a famosa Praça dos Heróis

Na verdade, com um ventinho no rosto e muito bem acomodada, só abandonei o ônibus na hora do almoço porque era o jeito.


Mais eu conto no próximo post!

Até!
Imagens- Arquivo pessoal

Uma breve atualização

A vida anda corrida. Veja você que o ano nem acabou e eu já tenho planos para depois. Eu nunca vivi com tanta pressa e mediante tantos acontecimentos de uma vez. Primeiro, veio as férias de outono e aproveitamos a oportunidade para cair no mundo. 

Imagem: Arquivo pessoal
Itália foi o destino escolhido, espero que eu consiga escrever sobre esta viagem ainda em 2017! Tem a mudança e reforma daqui de casa. Isso merece um post a parte e eu espero fazê-lo o mais breve possível porque é assunto que quero registrar como lembrança. Teve o aniversário de 8 anos da minha mais velha e eu se quer coloquei uma notinha carinhosa aqui no blog.


Imagem: Arquivo pessoal 

Tem os estudos a todo vapor, provas em breve, segura esse tchan! Tem a organização da festinha da minha filha e desta vez, espero conseguir postar. Por fim, o chá de bebê de minha concunhada pra organizar. Isso sem esquecer os aniversários, os eventos na cidade e tanta coisa legal que acontece durante este período do ano!!! O blog vai ficando pra segundo plano, mas é por uma boa causa. A dieta continua de vento em popa.

Imagem: Reprodução

 4 meses sem açúcar, massa ou carne. 17kg já foram embora (😱) e agora, só -7kg pra chegar na minha meta. Sabe quando foi a última vez que tive meu peso atual? Em 2010!!! 7 anos de acúmulo e em apenas 4 meses, foi tudo resolvido. Todos já notam a diferença e é uma delícia ver a cara de espanto daqueles que duvidaram de mim. Nunca vou esquecer a foto do bolo de chocolate que me mandaram na maldade, bem meu período de abstinência. Nunca vou esquecer aqueles que tentaram colocar areia no meu sonho. 


Imagem: Reprodução

Da mesma forma que me apareceu pessoas de personalidade duvidosa, eu preciso agradecer a aqueles que vieram pra ajudar. O meu marido é uma dessas pessoas, um super incentivador que fez de tudo para que eu comparecesse aos treinos diariamente. Tem também uma amiga que tá na mesma vibe que eu. A gente troca idéia, informações, divide os desesperos, dificuldades e torcemos muito uma pela outra. Pripri, muito obrigada por fazer parte dessa história você também!! Nunca vou esquecer o teu incentivo e força!

No mais, outonão bombando e o inverno promete chegar em breve


MEDAAA!!!

Bom, acho que fiz um resumo informativo dos últimos acontecimentos. Agora, vou me atualizar dos blogs amigos😉💋