Na Biblioteca: Ismael, de Daniel Quinn

Eis minha primeira leitura concluída de 2017. Para tanto, tive que deixar Harry Potter um pouco de lado e encarei Ismael em 3 dias. É um livro curto, de fácil leitura e entendimento.Um verdadeiro alerta em forma de diálogo entre dois personagens, um gorila telepata e seu aprendiz, o narrador da história.

Daniel Quinn usa uma forma interessante de avisar que se não mudarmos o nosso hoje, não haverá o amanhã. Isso seria parar de ser essa civilização dominadora e destruidora, transformando-se então em apenas mais uma espécie no mundo e não a última bolacha do pacote, como o homem pensa que é.Isso implicaria em não pegar/matar/destruir mais do que o necessário para sua sobrevivência.


O início é muito bom, a leitura super flui. Do meio pro final a coisa fica um pouco arrastada porque só há diálogo e discursão sobre o tema central. Bem estílo Sócrates/Platão, sabe?Não há movimento nem mudança de ambiente por um tempo, até que chega os capítulos finais e aquele sentimento estranho de perda e culpa.


 O mais bacana é que o professor espera que o seu aluno divulgue o ensinamento entre 100 pessoas e que cada um destes, com mais cem. É por isso que faço aqui a minha parte:

Livro Ismael, Daniel Quinn

Repassando o ensinamento.

Imagens-Reprodução

Anúncios

2 pensamentos sobre “Na Biblioteca: Ismael, de Daniel Quinn

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s