Um C na vida

Entrei pela porta da frente e saí, orgulhosa, pela porta da frente. Queria tentar alcançar vôos mais altos. Levei duas quedas feias e tenho uma asa quebrada. Me assustei. Achei que seria bem mais fácil e que a parada já estava ganha, afinal, me esforçara bastante. 
Desmotivada como estava, procurei cabisbaixa a porta dos fundos. Se fosse aceita, desistiria do vôo alto, afinal, não quero perder tempo e nem dar murro em ponta de faca. A porta dos fundos misteriosamente não se abriu e eu passei a tarde pensando na derrota, que eu se quer deveria ter saído pela porta da frente, achando que novos ares significaria novas portas abertas.Pensei de novo. Na situação que me encontro, não me resta outra alternativa que tentar o vôo outra vez. Quero acreditar que aquela porta dos fundos fechada significa que tem coisa muito melhor me esperando e que se assim não for, que eu volte a passar pela porta da frente, onde fui sempre muito bem vinda e feliz. Acho que tenho um plano para o ano. Tentar outra vez. E aqui acabei de descobrir mais um mega incentivo:

Tirei um C! Um C em filosofia! 


( Nota máxima é “A” e reprovado é “Stryk”)

OMG! Fui uma dos 413 estudantes que tiraram C!Eu passei!😱

Eu tipo:

Heheheeee!! Me deixa, vai!

Anúncios

2 pensamentos sobre “Um C na vida

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s